Archive | Dica de Filmes! RSS feed for this section

“Rock of Ages”

14 dez

Hoje eu(Mari) acordei com uma vontade de assistir algum filme relacionado a banda dos anos 80, catei quase todos os resultados do google mas não achei muitos interessantes, até que de repente aparece na minha frente: “Trailer de ‘Rock of Ages’  divulgado”. ‘Rock of Ages’  é um famoso musical da ‘Brodway’ inspirado na decada de 80 que ganhou adaptação para os cinemas e será lançado em junho de 2012.

O filme terá o ponto de vista da história de um casal(Julianne Hough e Diego Boneta) que se conhece no clube ‘Rock of Ages’, o elenco promete, Tom Cruise está sensacional no trailer fazendo o papel de um astro do Rock esnobe com o nome de Stacee Jaxx…

…e Catherine Zeta-Jones  promete irritar os espectadores como uma fanática religiosa que quer acabar com o clube e com o rock’n’roll.

A trilha é exatamente o que eu estava interessada, adoro filmes com temática dos anos 70/80 por causa dessa nostálgia, haverá músicas de Def Leppard, Joan Jett ( toca logo no final do trailer), Journey, Foreigner, Bon Jovi, Night Ranger, REO Speedwagon, Pat Benatar, Twisted Sister, Poison, Whitesnake e… muito mais.

Assistam o trailer logo abaixo:

Mal posso esperar para o lançamento.

Gooostaram? 🙂

“Amanhecer”

17 nov

E quanto mais se aproxima dia 18, mais ansiosa eu e Manú ficamos para a estréia de “Amanhecer – parte 1”, e para enganar a ansiedade ficamos ligadas nas entrevistas e premieres com o elenco.

Nesta segunda tivemos a premiere mundial em Los Angeles, e para passar pelo Black Carpet as meninas investiram no longo.

Ashley Greene decidiu apostar no clássico vermelho, até a cor do batom foi vermelho, uma proposta bem duvidosa que beira cair na cafonice, mas que desta vez deu certo.

Só achei meio fraquinho o cabelo, poderia ter feito algum penteado, fora isso achei o look bem apropriado para o evento, e quando o assunto é beleza Twilight nem precisa estar muito produzida se você é a Ashley Greene.

 Nikki Reed anda melhorando bastante seus look nos red carpets, sempre adorei o estilo da Nikki no dia-a-dia, mas toda vez que ela ía para algum evento raramente acertava, e para a divulgação de “Amanhecer” Nikki tem se superado.

O escolhido da vez foi um longo verdinho ao estilo grego, para dar aquele toque ‘glamouroso’ nada melhor do que as aplicações de brilho no vestido.

No make ela foi bem simples, só com cílios bem marcados e um batonzinho cor de boca.

E para fechar a noite… a última a passar pelo ‘black carpet’ surpreendeu a todos com um fenda que deixou todo mundo paralisado.

Como é de costume Kristen Stewart não deixou seu tênis com vestido de fora do evento, ao chegar no local ela usava um par de sneakers Nike, mas logo trocou por uma peep-toe Roberto Cavalli maravilhosa, que Manú ficou doidinha querendo uma pra ela também.

Não teve pra ninguém, com certeza Stewart foi a mais bela da noite, adorei o vestido J. Mendel azul royal com brilhos, a maquiagem e o ninho de cabelo com tranças entrelaçadas.

Os meninos, Robert Pattinson e Taylor Lautner parece que andam combinando as tonalidades das cores juntamente com Kristen Stewart para as premieres…

…em LA estavam todos em tons azuis e grafite e ontem à noite Rob e Taylor escolheram seus ternos pretos para acompanhar o vestido preto Roberto Cavalli novamente brilhoso de Kristen em Londres.


E novamente o tênis Nike:

Dessa vez Stew apostou num olho um pouco mais leve, mas mesmo assim continuou com o seu tradicional esfumado, o vestido é sem comentários… pois amei o detalhe da transparência na borda e o cinto de couro Alexander McQueen, a peep- toe de veludo é Jimmy Choo.

Ontem também foi divulgada a capa da revista “EW” deste mês, o trio de atores ilustra um recente photoshoot bem divertido sem muita produção.

Abaixo você confere a entrevista da ‘EW’ com o trio, é longa mais é super legal:

“Cara,” diz Kristen Stewart. “Tinha uma coisa tão impressionante sobre aquilo,”

Uma hora atrás, Stewart, Taylor Lautner e Robert Pattinson – também conhecidos como os Astros da Saga Twilight – tiveram suas mãos e pegadas imortalizadas em cimento do lado de fora do Grauman’s Chinese Theatre em Hollywood. Ainda sorridentes, palmas manchadas com um leve cinza, a atriz de 21 anos solta poesia para seus colegas de trabalho por um momento sobre como se sentiu quando logo após deixar sua marca para a posteridade ela impulsivamente agarrou as mãos de Lautner e Pattinson. “O concreto era tão arenoso e eu nem olhei, apenas achei a mão de vocês e aquilo realmente se sentiu como algo,” ela diz. Os caras com os quais ela está falando, sendo caras, explodiram em gargalhadas. Stewart encara eles com uma raiva de brincadeira: “Sabe o que? Fodam-se vocês bem nas fuças por rirem de mim.”

Pattinson, 25 anos, sorri e pega no pé dela por como ela foi cheia de pose durante a cerimônia. “Eu notei o quão graciosa você foi antes,” ele diz, “Todo mundo tipo ‘Kristen Stewart é tão estranha.’ E você é toda tipo Senhorita Graciosa esses dias.”

Não é apenas Stewart que amadureceu. Breaking Dawn – Part 1 é o penultimo capítulo baseado na série bestselling de Stephenie Meyer – e entra em coisas chocantes. (Sim, sim: alerta de spoiler). No filme, que foi dirigido por Bill Condon (Dream Girls), fãs irão ver seus puros heróis, Bella e Edward se casarem (!) e finalmente transarem (!!), o que leva à gravidez que arrisca a vida de Bella com um feto metade-vampiro e uma sangrenta cena de parto que você terá que ver para acreditar. Agora que a produção em ambos filmes (a parte 2 estará nos cinemas em novembro de 2012) terminou, os atores oficialmente começaram suas carreiras pós-Twilight. Lautner, 19 anos, estrelou no thriller Abduction, Pattinson recentemente terminou Cosmopolis; e Stewart está em um pequeno descanso de filmar Snow White and the Huntsman, co-estrelando Charlize Theron e Chris Hemsworth. O trio – incansável em sua pegação no pé – conversou com EW tomando café e comendo guloseimas em Los Angeles.

O que Bill Condon trouxe pra franquia como diretor?

Kristen Stewart: Acho que você pode sentir o coração dele. Genuinamente. É tão fácil ser influenciado por cinismo, em tirar muito da coisa que é sentimental. Falas foram cortadas antes – eu definitivamente tive essa experiência nos sets de Twilight e disse, “Oh, mas aquilo era tão fofo.” Bill não fez isso. Ele manteve tudo. Ele realmente manteu toda a #$%!@ da história de amor. Acho que perdemos isso por um tempo, e agora se sente real novamente.

Vocês viram o filme já finalizado. Vocês estão desapontados sobre algo que foi cortado?

Taylor Lautner: A cena do parto, com certeza.

Robert Pattinson: Sim, a cena do parto – e a cena do sexo.

Stewart: Ambas. Eu queria mais de ambas.

Pattinson: Também o fato de que vimos versões daquelas cenas que são bem –

Stewart: Melhores.

Assumo que a classificação de 13 anos foi um problema.

Pattinson: Isso apenas limita coisas, tipo ângulos de câmera. Também havia essas partes na cena do parto onde Bella estava com dor –

Stewart: É com isso que realmente estou desapontada – e conversei sobre isso com o Bill. Foi mais simpatético ou algo quando fiz a cena com menos energia, e foi mais fácil para ele contar a história. Mas no livro, Bella está gritando, NÃOOOOOO (Kristen se levanta e demonstra) E eu fiz daquele jeito – doido e estilo Exorcista. Eu estava indo com a mistura estranha de se tornar a mãe mais selvagem que você pode imaginar e também lutar pela minha própria vida. Quero dizer, eu estava uma doida. Eu estava uma doida absoluta.

Pattinson: Todos estavam cagand* nas calças antes que fizemos a cena do parto porque era uma coisa tão grande. Mas acho que nós três sentimos que foi um grande dia. Fazer uma tomada que é 5 ou 6 minutos de duração e sentir que você acertou cada parte…

Lautner: Eu ainda amo a cena do parto. Sei que é frustrante que algumas coisas não estão lá.

Stewart: Sim, eu ainda amo também.

Vocês tiveram a chance de ver alguma imagem da cena do sexo antes que fosse modificada?

Pattinson: Tem uma versão que foi realmente intensa.

Stewart: No livro você não vê o sexo e fato, mas eles conversam disso depois e é intenso pra caramba. Gravar a cena não foi uma experiência completa porque foi tão fragmentada. Fizemos pequenas filmagens individuais do rosto dele, meu rosto, as mãos dele. Cinematicamente, colocado tudo junto, é incrível. Realmente gosto, mas de verdade não fizemos aquela cena.

Pattinson: E quando fizemos eles ficaram nos falando para parar. (Risadas)

Stewart: Eu sei! Bill ficava, “Para de vai e vem!” (Risadas)… Quero dizer, eu não queria realmente ter sexo com ele no set mas…

Pattinson: Por que não? [risadas] Você pode ver meu cofrinho – Por que cofrinho não faz ser classificação para maiores? Você vê meu cofrinho o tempo todo.

Lautner: Eles diminuiram, ou acho que apagaram o cofrinho.

Pattinson: Foi realmente culpa da Kristen que estava indo para classificação de maiores. (Falando com Stewart) Seus movimentos elaborados – ninguém viu movimentos assim em um filme de classificação de 13 anos! (Risadas). A coisa de classificações é sobre barulhos.

Stewart: Tipo se o vai-e-vem dele coincide com meu ohhhhhh – aí não está ok.

Pattinson: Se uma cena de sexo é classificada para maiores a primeira coisa que você faz é tirar os sons e colocar música por cima. Mesma coisa se é uma cena de horror, você tira os gritos.

Lautner: Ou em uma cena de ação, se você está dando um soco na cara de alguém você tira o barulho do contato do punho no rosto.

Stewart: Dei um soco em Chris Hemsworth na cara semana passada enquanto gravava SWATH. Dei um olho roxo pra ele.

Lautner: O Que? Sério? Você deveria fazer isso?

Stewart: Eu deveria ter errado ele.

Você alguma vez deu um olho roxo para alguém antes?

Stewart: Não. E tenho que dizer para qualquer um que já esteve antes nessa situação onde, sendo uma garota, você acha que não vai fazer estrago nenhum – mas faz um estrago da porr*.

Lautner: [Risadas] Uau.

Stewart: Pois é! Ele estava sobre mim, tipo, todo estilo Caçador, e eu fui e boom. Eu me virei. Soquei ele fora do close-up dele. E então comecei a chorar. Me senti horrível.

Lautner: Você está brincando comigo? Sei que você se sente horrível na hora, mas depois você se sentiu meio bem?

Stewart: Se sentiu bem no sentido que sei que agora isso (ela demonstra seu punho) funciona. Eu posso socar Chris Hemsworth. Posso fazer aquele homem cambalear. E eu não fiz tão forte quanto podia. (Pattinson e Lautner gargalham)

Lautner: Fiz  a mesma coisa em Abduction.

Stewart: Você bateu em alguém?

Lautner: Sim. Ele apagou. (Conversando com Pattinson) Na verdade foi o cara que fez seu pai em Water for Elephants.

Pattinson: Oh meu Deus!

Stewart: Você deixou ele inconsciente?

Lautner: Sim! E ele é enorme. Foi só por meio segundo. Foi uma daquelas coisas de ultimo minuto onde o cara da coreografia veio e disse, “Taylor, você precisa estender mais – (Para o outro ator) Illia Volok, você precisa estender seu queixo mais.” Na próxima tomada eu acerto ele bem no queixo, e ele foi pro chão. Ele acordou rápido, mas ele tinha esse pedaço de carne, tipo, saindo da boca dele. Eu me senti miserável sim. Mas então depois é quando me senti tipo, “Uau!”

Rob, e você? Alguma vez já derrubou alguém em um filme?

Pattinson: Acho que soquei alguém na cara em Remember Me. Tinha essa parte onde eu estava no chão repetidamente batendo em alguém, e eu ficava (sussurrando) “Desculpa, desculpa.” Mas ele nem parecia sentir nada. (Risadas)

Rob, ultima vez que conversamos você chamou o Edward de “mariquinha” – em parte porque ele carrega um balde para Bella vomitar quando ela está grávida e doente. Pensei que você estava sendo metafórico. Então vi o filme e você realmente carrega um balde para Bella quando ela está doente.

Stewart: E isso não é comportamento de mariquinha, na minha opinião.

Pattinson: Essa não foi a parte de mariquinha disso. A parte de mariquinha foi a outra coisa. A parte de mariquinha…

Lautner: Fala logo! (Risadas)

Stewart: Cara! Chega! Não diga “parte de mariquinha” de novo. Isso é muito típico de uma conversa que teríamos no set.

Pattinson: [Zuando de si mesmo] “Eu não entendo, Bill! O que é isso? Eu vou sair desse set se você me obrigar a fazer esse comportamento de mariquinha…”

Stewart: A coisa é, estamos brincando agora. Isso é tudo de zuação. Mas no set isso sempre rolava! (Gesticula para Pattinson) Algumas vezes eu poderia matar ele! (Olha afetuosamente para Pattinson, que acabou de comer um pedaço de guloseima) Você tem porcaria na sua cara toda. Você parece um idiota.

Então agora que vocês seguiram para diferentes projetos, se sente como começar em uma nova escola?

Stewart: É assim o tempo todo. É assim que estar nessa indústria se sente.

Lautner: Essa é a coisa normal. Twilight é o anormal.

Pattinson: Também pela fama de Twilight, você chega em um set com uma certa familiaridade de qualquer mandeira. As pessoas irão tratar você diferente.

Stewart: [Suspira] Sim, é estranho. É a parte mais estranha de ser “famoso”, porque você não tem a chance de dar mais primeiras impressões. Todo mundo já tem uma impressão de você antes que você os conheça.

Pattinson: Então você sente como se já esteja se defendendo. Também você precisa se tornar amigos rapidamente com as pessoas em um filme, especialmente o elenco, e se você não pode sair com eles ou socializar de uma forma real..

Stewart: É prejudicial.

Taylor, isso foi verdade para você em Abduction?

Lautner: Sim,foi parecido. Você quer começar completamente do zero.

Algum de vocês faria TV?

Pattinson: Eu faria, sim. Nunca me viciei tanto quanto eu estava viciado no show The Wire. Nunca conheci ninguém do show e acho que se eu alguma vez visse alguém – Michael K. Williams ou David Simon – eu literalmente choraria. Eu interpretaria qualquer papel em The Wire se eles fizessem outra série.

Stewart: Eu não iria querer fazer. Quando começo a produção em um filme – e eu sei que já usei essa metáfora um milhão de vezes – mas é como se eu fosse uma latinha de Coca-Cola que chacoalharam. Tudo que quero é terminar, por mais que eu ame o processo.

Produzir ou dirigir é de interesse de vocês?

Stewart: No momento em Snow White estou tendo a experiência mais plena como um ator. Sou próxima do diretor, ele me ouve, e é crédito dele que me sinto assim porque estou tendo meu primeiro gostinho de realmente colaborar. Usualmente como um ator você levanta suas mãos e “Isso não é comigo.” E amo atuar. Honestamente, amo olhar na lista de elenco onde está o nome do meu personagem acima do meu nome – é por isso que estou aqui. Mas também é tão bacana está no nível dele, dar uma opinião e ser levada a sério.

Então o que vocês querem fazer em seguida?

Stewart: Eu quero ir pra casa. Mal posso esperar para não estar trabalhando e ir pra casa e me interessar com algumas coisas. (risadas) Quero ver o que estou a fim. Quero descobrir o que eu quero. Não posso responder essa pergunta agora, mas mal posso esperar para ser capaz de respondê-la.

Taylor, houveram boatos que você e Gus Van Sant estão se juntando para um filme baseado em um artigo no The New Yorker que você adquiriu.

Lautner: É extremamente pré-maturo. Amo Gus e sempre fui um grande fã dele. Nunca pensei que teria uma oportunidade de trabalhar com ele então… veremos.

Então o que podemos saber agora?

Lautner: Que eu sou um enorme fã de Gus van Sant. [risadas]

Certamente seria uma jogada inesperada depois de Abduction.

Lautner: Eu nunca quero fazer a mesma coisa. Eu quero fazer algo diferente. E o que for que eu termine fazendo em seguida, eu vou querer algo diferente depois.

É difícil quando seus outros filmes, como Abduction ou Water for Elephants, não se saem na bilheteria como um filme Twilight?

Stewart: Você nunca pode comparar.

Lautner: Você apenas tem que dizer a si mesmo que isso é fora desse mundo. Você tem que saber disso quando entra.

Pattinson: Existem duas formas de se pensar sobre isso… Quero dizer, não tem como ter seus filmes sendo imensamente de sucesso e receber 100% de crítica positiva toda santa vez.

Lautner: Certo.

Pattinson: É impossível. Se você está tentando vender um filme ou um projeto para um estúdio e você sugere por um segundo que você é um artista, você está fora da porta.

Existem atores que parecem serem capazes de fazer filmes indie e grandes filmes de estúdio.

Pattinson: Mas quantas pessoas existem, realmente quem pode fazer isso?

Stewart: Cara! Então você não acha que eles existem? Existem atores fenomenais que fazem ambos filmes comerciais e pequenos. Catherine Keener! Julianne Moore! Tem muitos.

Pattinson: Olhe para você, apenas esperando para me contradizer.

Stewart: É apenas que isso é o que eu quero ser. Então se você fala que não existe, é uma grande coisa pra mim. Tipo, isso é tudo que aspiro ser e você está falando que não existe. Você não tem que escolher um caminho ou outro.

Definitivamente existem atores que podem fazer ambos.

Stewart: Não é? [Ela sorri, colocando uma mão no joelho de Pattinson e outra no de Lautner] Vamos lá, rapazes! Vamos ver se podemos fazer isso.

Continuando com as premieres, ontem aconteceu simultaneamente com Londres, a premiere em NY, um pouco mais intíma, mas igualmente refinada, as atrizes presentes eram  Nikki Reed e Ashley Greene.

Para acompanhar a modernidade de NY as duas escolheram looks bem minimalistas, Ashley com seu corpo super malhado arriscou colocar a famosa tendência da barriga de fora…

Nikki por sua vez também não ficou para trás com um vestido quase neon…

achei bem adequado os vestidos das duas, e dessa vez até gostei do cabelo da Ashley sem penteado mesmo,combinou com o estilo minimal.

E você? Já garantiu o seu ingresso para ver o casamento do ano? Ainda não? Então corre porque só para a pré- estréia hoje à noite já foram vendidos 370.000 ingressos em todo o Brasil.

Goooostaram??? 🙂

“Fanning!”

13 nov

A capa da revista “W” do mês de dezembro acabou de sair, e as escolhidas para encerrar o ano de 2011 foram as irmãs Fanning. Em um editorial super glamouroso as meninas prodígio falaram um pouco sobre sua vidas.


Sensível, Elle(Babel, Somewhere), de somente 13 anos e com um super prestígio na sua carreira , explicou que tem percebido certo distanciamento da irmã, por conta das obrigações da idade. “[Dakota, 17] é uma boa irmã mais velha. Agora que ela está indo para a faculdade, é diferente. Fui para o quarto dela em casa, na Califórnia, e todas as suas roupas tinham desaparecido! Seu armário estava vazio! Eu não consigo mais ir lá e roubar as roupas. É realmente estranho. É como se ela tivesse ido fazer um filme, mas, desta vez, ela não vai voltar”, disse.


Dakota( The Runaways, Guerra dos Mundos) explicou o que a faz querer estudar na faculdade.”Pelas mesmas razões que eu queria ir para a escola: Você ouve as pessoas dizerem: “Ah, quando eu estava no colégio’ ou ‘quando eu estava na faculdade’. Isso define muito o que as pessoas são e eu não queria perder isso.”


Eleitas pela revista “Vogue” como umas das irmãs mais fashionistas do mundo, Dakota também contou como surgiu seu interesse pela moda. “Eu tinha 12 anos. Estava sempre na moda porque minha mãe sempre foi interessada em moda. Ela se formou em merchandising de moda na faculdade, e isso sempre foi algo que temos em comum. Quando eu fiz a primeira campanha para Marc Jacobs, eu realmente não tinha idade suficiente para vestir as roupas. Ele fez todas as roupas da coleção do meu tamanho. Eu ainda as tenho.”

Dakota atualmente está filmando o longa “Effie” em Londres e seu próximo lançamento é o filme “Now Is Good” em que irá interpretar uma jovem com leucemia em busca de realizar uma lista com seus últimos sonhos.

O último lançamento de Elle foi o espetacular “Super 8”, quem ainda não viu não sabe o que tá perdendo, um roteiro engraçado e sutil acompanhado de uma trilha nostálgica dos anos 70, sua próxima estréia é o terror “Twixt”  e “We Bought a Zoo”.

Gooostaram??? 🙂

“Branca de Neve e o Caçador”

11 nov

Ontem foi divulgado o primeiro teaser-trailer de “Branca de Neve e o Caçador” (Snow White and the Huntsman) e já me conquistou . Diferente de “Espelho, Espelho meu…” (Mirror Mirror) que é mais abordado o original conto de fadas de Branca de Neve e é esperado todo o glamour do figurino e dos personagens, “Branca de Neve e o Caçador” é um pouco fora do contexto do original já que o filme não é focado na história do príncipe, a branca de neve não é tão bobinha , e ainda por cima é uma guerreira e os anões são o seu exército.


Pelo que já foi divulgado tenho gostado bastante, para você que como eu também gosta de aventura, fantasia e ação vai adorar, só pelo espetacular trailer e elenco de primeira com Charlize Theron (Monster, Doce Novembro) como a Rainha Má, Chris Hemsworth (Thor) como o Caçador e Kristen Stewart (Crepúsculo, Adventureland) como Branca de Neve já vemos que o filme promete.

Só falta esperar até 1º junho de 2012 quando o filme deverá ser lançado.

Vejam abaixo o trailer de “Branca de Neve e o Caçador”:

 

Hollywood Film Awards!

25 out

Ontem a noite foi animada em Beverly Hills , aconteceu a 15ª edição do Hollywood Film Awards, e como em toda boa premiação também tem um bom red carpet.

Os looks foram tirados fresquinhos da passarela de primareva-verão 2012 das semanas de moda pelo mundo.

Michelle Williams levou para casa o prêmio de melhor atriz por seu papel em “My Week with Marilyn”, optou por um longo azul da Nina Ricc…

… o vestido seria bem básico se não fosse por dois detalhes: a transparência na parte de baixo e o bordado de folhas de ouro na parte de cima.

Michelle não usou muitos acessórios, apenas um bracelete em forma de cobra:


Elle Fanning recebeu o Prêmio Spotlight Hollywood, o prêmio é dado pelo reconhecimento da curta carreira dos jovens atores.

E é só olhar pro rosto de Elle que a gente já se encanta…

… ainda mais quando ela tá vestida com um Valentino todo rendado! O vestido apareceu no último desfile do estilista, e assim como na passarela Elle usou tranças. Tem coisa mais fofa que renda e tranças juntos? Não!!

Emma Stone arriscou um visual duvidoso, ou você ama ou odeia, e nós amamos.

A silhueta e o comprimento da saia de anos 20 do vestido de Jonathan Saunders  e o cabelo ondulado, trouxe um toque vintage ao look.

A  cor dos acessórios combinou perfeitamente com os seus cabelos ruivos, e se reparar bem, foi a única que usou brincos.

Carey Mulligan, a única que apostou no curto!

Carey, que levou o prêmio de melhor atriz coadjuvante por “Shame” e “Drive”, me surpreendeu por ter aparecido totalmente moderna…

…conhecida por seu estilo minimalista retro, a atriz surgiu com um topete platinado e um pretinho nada básico Bottega Veneta juntamente com os sapatos Ferragamo.

Os vencedores do Hollywood Film Awards já foram quase todos anunciados faltando somente as categorias de melhor ator e melhor diretor, que serão anunciados no final de semana. A categoria de melhor filme será realizada atráves de uma votação pelo site , os indicados são:

  • “Capitão América
  •  O Primeiro Vingador”
  •  “Harry Potter e as Relíquias da Morte – Parte 2”
  • “Cowboys & Aliens”
  •  “Histórias Cruzadas”
  •  “Rango”
  •  “Planeta dos Macacos – A Origem”
  • “X-Men: Primeira Classe”
  •  “Super 8”
  •  “Transformers: O Lado Oculto da Lua”
  •  “Piratas do Caribe: Navegando em Águas Misteriosas”.

Logo abaixo está a lista dos vencedores da noite:

Melhor atriz – Michelle Williams por “My Week With Marilyn”, “Meek’s Cutoff”e “Take This Waltz”
Melhor ator coadjuvante – Christopher Plummer por “Beginners”
Melhor atriz coadjuvante – Carey Mulligan por “Shame” e “Drive”
Melhor roteirista – Diablo Cody por “Young Adult”
Melhor animação – “Rango”
Melhor produtor – Letty Aronson por “Meia Noite em Paris”
Melhor cinematógrafo – Emmanuel Lubezki por “A Árvore da Vida”
Melhor editor – Stephen Mirrione por “Tudo pelo Poder”
Melhor compositor – Alberto Iglesias por “A Pele que Habito” e “O Espião que Sabia Demais”
Melhor designer de produção – James Murakami por “J. Edgar”
Melhor efeitos visuais – Scott Farrar por “Transformers: O Lado Oculto da Lua”
Melhor diretor revelação – Michel Hazanavicius por “The Artist”
Melhor ator revelação – Joseph Gordon-Levitt por “50/50”
Melhor atriz revelação – Jessica Chastain por “Coriolanus”, “A Dívida”, “Histórias Cruzadas”, “Take Shelter” e “A Árvore da Vida”.
New Hollywood Award – Felicity Jones por “Like Crazy”
Hollywood Career Achievement (prêmio pela carreira) – Glenn Close (“Albert Nobbs”)
Hollywood Spotlight (reconhece jovens atores) – Berénice Bejo e Jean Dujardin por “The Artist”; Elle Fanning por “Super 8”; Amber Heard por “O Diário de um Jornalista Bêbado”; Andrea Riseborough por “W.E.”, Shailene Woodley por “The Descendants”; e Anton Yelchin por “Like Crazy”.

Goooostaram? 🙂

The Walking Dead

28 set

The Walking Dead é uma adaptação da revista de quadrinhos de mesmo nome, se passa numa cidade onde foi completamente invadida por zumbis e acompanha um grupo de pessoas que tenta sobreviver a este caos, tentando sempre chegar a um local habitável que todo mundo acredita haver, um tipo de acampamento para os humanos ainda não infectados pelo vírus. Em meio a tentativas de se livrar dos zumbis o grupo também corre em busca de mantimentos já que a cidade está devastada e não resta nada e praticamente nenhum humano.

A série está prestes a estreiar a primeira parte da sua segunda temporada nos EUA, no dia 16 de outubro, o primeiro episódio vai ser quase um filme com 90 minutos de duração,  a segunda parte só vai ao ar em 12 de fevereiro de 2012.

E hoje foi dada a noticia que Walking Dead vai ganhar uma websérie,  se você já assistiu a primeira temporada vai se lembrar da Hannah, a primeira zumbi que ao sair do hospital o policial Rick Grimes encontra rasteijando na grama, a websérie vai mostrar a vida de Hannah até chegar naquele ponto que nós vimos (um pedaço de cadáver de zumbi). O primeiro episódio vai ao ar na segunda-feira, dia 03 de Outubro no site oficial da AMC(amctv.com.).

No video abaixo você confere a transformação da atriz que fez a Hannah, se maquiando para virar esse zumbi que você tá vendo aí em cima, é bem interesante, nunca pensei que fosse maquiagem e sim computação gráfica, me surpreendi:

Ótimo para quem gosta de: suspense, Lost, Stephen King(lembrando que ele ficou de escrever alguns episódios para a segunda temporada), True Blood, e um pouco de ação também.

Terrível para quem não gosta de: coisas nojentas, tem dó de crianças bonitinhas e fofinhas perdidas, e chora por tudo, neste caso prefira assistir Gossip Girl ou 90210.

O trailer da segunda temporada já foi divulgado, dá um play aí em baixo e confira:

Tá esperando o quê? Vaí lá baixar agora!!kkkk…!! 🙂

Oscar 2011!

28 fev

A premiação foi uma das mais justas que já vi, todos por quem nós estavámos torcendo ganharam, só faltou Helena Bonham-Carter ganhar o de atriz coadjuvante, e o nosso filme “Lixo Extraordinário” ganhar melhor documentário, que por sinal achei bem melhor que todos os outros concorrentes à documentário, mas sabemos que ele não ganhou porque é Brasileiro e mostra muito bem a realidade que eles não costumam gostar, afinal o Oscar é americanizado e quem ganhou foi novamente um filme americano sem muita inovação, fora isto fiquei muito feliz com os prêmios.

A apresentação ficou por conta dos atores Anne Hathaway e James Franco, a cerimônia deste ano foi mais atual e divertida, o “Você Gooosta” adoroooou!!

“O Dicurso do Rei” foi o grande vencedor da noite com quatro prêmios: Melhor filme, ator, diretor e roteiro original. “A Origem” também levou quatro estatuetas, a maioria são prêmios técnicos muito bem merecidos. “A Rede Social” ficou com três prêmios, o de melhor roteiro adaptado, edição e  trilha sonora original.”Toy Story 3″ garantiu dois prêmios, o de melhor longa-metragem de animação e melhor canção original.

O ator Colin Firth que levou a estatueta de melhor ator por sua interpretação como o Rei gago em “O Dicurso do Rei” e sua mulher Livia Giuggioli no tapete vermelho:


“Cisne Negro” levou a estatueta mais que merecida de melhor atriz com Natalie Portman, que fez um discurso bellissímo super emocionada:

O velhinho Kirk Douglas, 94 anos, tirou muitas risadas da platéia ao agarrar Mellissa Leo enquanto a entregava o prêmio de atriz coadjuvante por “O Vencedor”…

…filme que também levou melhor ator coadjuvante, para Cristian Bale (Estavámos super na torcida porque o histórico de interpretações do Bale é fenomenal!):

Outro momento de risadas foi quando o apresentador James Franco se vestiu de Marilyn Monroe, em “Os Homens Preferem as Loiras”:

O encerramento da cerimônia foi encantador com algumas crianças cantando a trilha musical do filme “O Mágico de OZ” com a presença de todos os vencedores no palco:

Vamos agora aos looks do evento, para começar vamos direto na pessoa mais observada da noite, a apresentadora do Oscar 2011:

Anne Hathaway foi a mais animada da noite com toda certeza,a atriz que apresentou a cerimônia, usou nada menos que oito modelitos (entre eles: Vivienne Westwood, Oscar de la Renta, Versace, Valentino, Giorgio Armani Privé, Givenchy…), penteados e make diferentes durante a noite, todos muito chamativos e alegres, todos devidamente acompanhados de jóias Tiffany’s:

Anne gostou tanto dos vestidos que até dançou com o modelo de franjas da Oscar de la Renta e disse: “O melhor desse trabalho é poder usar esses vestidos!”


Natalie Portman mais uma vez apostando em modelagens bem soltinhas e salto médio para ficar mais confortável…

…a atriz usou um vestido ameixa bem anos 20 da grife Rodarte, a mesma que produziu todos os figurinos de “Cisne Negro”:

Sandra Bullock, vencedora do Oscar de melhor atriz no ano passado, apostou em um vermelho fatal e super acinturado:

Michelle Williams com um Chanel todo bordado em pérolas, talvez uma cor mais forte e escura combinasse mais com o tom de pele da atriz e levantasse mais o astral do look:

Mila Kunis belissíma em um longo de renda lavanda da grife Elie Saab, para o “Você Gooosta” ela foi uma das melhores da noite:

Cate Blanchett exibiu um dos vestidos mais modernos do evento, todo trabalhado em bordados na parte de cima do vestido Givenchy atraiu atenções de todos:

Mandy Moore estava totalmente clássica e com um make impecável, o batom laranja bem levinho deu um toque de cor na produção:

Scarlett Johansson preferiu exibir seu corte chanel desfiado e ao contrário de muitas não fez nenhum tipo de penteado, o vestido é um Dolce & Gabbana todo de renda:

Reese Witherspoon com um penteado totalmente anos 60, e um longo preto e branco Armani, que também remete a época:


Gwyneth Paltrow, que se apresentou cantando a trilha do filme “Country Strong”, apostou mais uma vez no cintilante, e criou um visual que dividiu opiniões:

Nicole Kidman surpreendeu ao aparecer com um vestido Dior off- white e sapatos laranja, um look altamente moderno, em compensação de seu estilo de roupas:

Hailee Steinfeld usou um look Marchesa desenhado por ela em parceria com a grife, bem no estilo pricesinha com o comprimento um pouco acima do tornozelo…

…logo ápos a premiação Hailee trocou os saltos pelo clássico e confortável All- Star, tudo a ver com a sua idade:

A indicada a melhor atriz por “Inverno da Alma”, Jennifer Lawrence escolheu um longo vermelho supeeer básico para a premiação, não se destacou muito em meio as outras atrizes e ao tapete vermelho:

Amy Adams apostou no brilho e na cor da vez, o azul-safira, cor do anel de noivado da futura princesa inglesa Kate Middleton, o azul virou o novo preto desde então:

O brilho definitivamente possuiu o red carpet, outra que também investiu no brilho foi Hillary Swank, com um modelo Gucci de plumas com um degradê até a cauda, a atriz foi uma das favoritas da noite:

Confiram a lista completa de todos os vencedores do Oscar 2011, e vejam se suas apostas deram certo:

Melhor direção de arte
– “Alice no País das Maravilhas”

Melhor fotografia
– “A origem”

Melhor atriz coadjuvante:
– Melissa Leo – “O vencedor”

Melhor curta-metragem de animação
– “The lost thing”, de Shaun Tan, Andrew Ruheman

Melhor longa-metragem de animação:
– “Toy story 3”

Melhor roteiro adaptado
– “A rede social”

Melhor roteiro original
– “O discurso do rei”

Melhor filme de língua estrangeira
– “Em um mundo melhor” (Dinamarca)

Melhor ator coadjuvante
– Christian Bale – “O vencedor”

Melhor trilha sonora original
– “A rede social” – Trent Reznor e Atticus Ross

Melhor mixagem de som
– “A origem”

Melhor edição de som
– “A origem”

Melhor maquiagem
– “O lobisomem”

Melhor figurino
– “Alice no País das Maravilhas”

Melhor documentário em curta-metragem
“Strangers no more”

Melhor curta-metragem
– “God of love”

Melhor documentário (longa-metragem)
– “Trabalho interno”

Melhores efeitos visuais
– “A origem”

Melhor edição
– “A rede social”

Melhor canção original
– “We belong together”, de “Toy story 3”

Melhor diretor
– Tom Hooper – “O discurso do rei”

Melhor atriz
– Natalie Portman – “Cisne negro”

Melhor ator
– Colin Firth – “O discurso do rei”

Melhor filme
– “O discurso do rei”


Gooostaram do Oscar deste ano?? O “Você Gooosta” amou!! Em 2012 tem mais!!